Primeiros passos para trabalhar como Home Office em 2019!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
83 / 100

Imagine poder trabalhar no conforto da sua casa, sem o estresse de ter que enfrentar o trânsito vertiginoso das cidades, a pressão de horários rígidos ou aquele colega que te perturba quando você precisa terminar um relatório importante. Parece algo fora do nosso alcance, não acha? Na verdade, não.

Não é de hoje que uma certa modalidade vem ganhando cada vez mais espaço no mercado de trabalho brasileiro, sendo até um dos grandes temas quando o assunto é trabalho do futuro. Ela tem um nome: home office.

O que é Home Office?

Apesar de home office ser traduzido literalmente para “trabalho em casa”, seu significado vai mais além do que isso. Talvez, a melhor definição seja trabalho em espaços alternativos. Não apenas em casa, mas o profissional pode trabalhar em cafés, parques, ou seja, onde julgar mais adequado. O que a empresa contratante exige de quem trabalha com o home office não é seu local de trabalho, mas sua produtividade, engajamento e profissionalismo.

Esse é um método usado por profissionais freelancers, autônomos ou que trabalham em empresas que permitem isso. Por ainda ser uma alternativa ainda pouco explorada e divulgada no Brasil, o home office parece ainda transmitir a ideia de novidade, algo ainda experimental e instável. Entretanto, não é bem por aí. Nos Estados Unidos, estima-se que mais de 50% dos profissionais ocupam cargos em home office, demonstrando que é sim uma modalidade de emprego que funciona.

Várias empresas como a Hostinger, Natura e B2W Digital, estão investindo nesse mercado relativamente novo no Brasil. Além disso, ainda se pode optar por abrir seu próprio negócio. Um estúdio de programação, por exemplo, não é preciso enormes investimentos, mas de um computador, internet e dedicação para cumprir seus projetos com qualidade e eficiência. São com pequenos passos que a mais belas jornadas se iniciam.

Entretanto, apesar de parecer um mar de rosas, trabalhar em casa exige responsabilidade. É preciso lutar diariamente contra a vontade de voltar para a cama ou ir assistir TV, que estão a poucos metros do seu espaço de serviço. Lembre-se que o profissionalismo começa com a disciplina. Só nos tornamos profissionais quando começamos a encarar nosso trabalho com a mesma seriedade que uma criança encara uma brincadeira.

Dicas para começar a trabalhar como Home Office

Apesar de parecer um sonho, o home office pode se tornar um pesadelo se não houver planejamento ou se a pessoa não entender corretamente como funciona essa modalidade de emprego.

Talvez, o maior desafio a ser superado é o de manter um bom ritmo de produtividade sem perder a qualidade. Para começar, separamos aqui algumas dicas para que você possa começar sua carreira com o pé direito:

1 – Disciplina é a chave.

Só se pode alcançar um grande êxito quando nos mantemos fiéis a nós mesmos. Disciplina é obediência a uma ordem, a uma rotina. Em uma empresa, um gerente é quem monitora a disciplina dos outros funcionários. Mas, e quando você é seu próprio gerente? Apesar de parecer uma tarefa simples, se gerenciar pode abrir brechas para vários problemas, como a procrastinação e o sobrecarregamento.

Para combater esses inimigos, uma boa ideia é criar uma lista de metas diárias, um checklist, no qual você se empenha em terminar uma tarefa específica ao invés de começar várias e não terminar nenhuma. É também uma maneira de não se deixar esquecer sobre suas prioridades, já que não existe um chefe no seu pé te cobrando o tempo todo. Blocos de notas ou cadernos de anotações são ótimas pedidas, só não se esqueça de dar um confere nas tarefas concluídas para não se perder.

2 – Pesquisar nunca é demais!

Não se pode trabalhar como redator sem saber as regras de ortografia. Por esse motivo, ele procura aprender sobre como funciona as normas de escrita. Do mesmo modo, quem quer trabalhar em casa precisa pesquisar sobre a área na qual quer trabalhar: comunicação, marketing, consultoria, tradução, entre outras. Saber um pouco a mais que outra pessoa do ramo pode ser o seu diferencial, que pode ser decisivo na hora da contratação.

Além da sua área de atuação, conhecer as tendências atuais do mercado pode ser fundamental. Conforme o tempo passa, os interesses das pessoas mudam. Quando os interesses mudam, o mercado muda. Consequentemente, as oportunidades de emprego também mudam. É claro que se deve buscar fazer o que gosta, mas muitas das profissões que permitem home office dependem do que está em alta nas mídias digitais.

Além de possuir o conhecimento, é preciso usá-lo criativamente. A memória nada mais é do que um suporte à criatividade, não um banco de dados. Se você sabe como um sistema funciona, consequentemente pode acabar tendo ideias de como melhorá-lo. Não tenha medo de inovar. Exponha suas ideias, mas esteja preparado para as críticas e negativas.

3 – Vá com calma.

Só porque você trabalha em casa não quer dizer que precise dedicar todo o seu tempo no seu trabalho. É preciso ter disciplina, criar uma rotina e pequenas metas diárias. Seja durante o dia ou a noite, estabeleça bem a carga horária que deseja cumprir. É como uma corrida matinal: no começo é difícil e cansativo, mas fica um pouco mais fácil conforme o tempo; é preciso correr todo dia, e essa é a parte difícil, mas fica mais fácil.

Evite acordar e ir direto para o escritório. Faça alguma atividade, tome um bom café ou faça alguma atividade física. Essas pequenas ações é que diminuem o estresse e aumentam o foco e a produtividade.

Você não vive em função do trabalho, mas o trabalho é que é feito em função de você. É por isso que está buscando o home office, não é? Lembre-se de que é você quem escolhe as regras, e também é o responsável por seus atrasos. Por isso, sua saúde física e mental é fundamental no seu desempenho.

4 – Comunique-se

Estabeleça interações com quem quer que você trabalhe. Seu chefe, colegas, clientes ou fornecedores. Lembre-os de que você existe. O trabalho remoto acabar atraindo solidão, caso você se feche na frente do computador. Quando possível, faça reuniões com clientes ou fornecedores.

Com a rápida evolução da tecnologia, está cada vez mais fácil manter contato com as pessoas. Uma boa pedida é, ao invés de enviar mensagens, fazer ligações de vídeo por meio do Skype ou FaceTime, para interagir com as outras pessoas. Essa dica é ainda mais valiosa caso você trabalhe para alguém. Com esse contato maior, faz com que seu chefe se lembre de você e te reconheça. Faça com que ele se lembre de que você existe.

Você trabalha como home office ou gostaria de trabalhar dessa forma? Deixe seus comentários aqui abaixe e compartilhe com seus amigos este post!

Abraços!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

Seja um Afiliado de sucesso!

Um dos melhores temas para Blog!

Aprenda Wordpress!

Os inscritos serão os primeiros a receber as novidades!

Eu também odeio Spams, então não se preocupe pois nunca vou te enviar Spam!

Rolar para cima

40 NOVAS IDÉIAS PARA VOCÊ SER O SEU PRÓPRIO CHEFE!

Baixe agora o seu ebook com 40 ideias para você começar um novo negócio como Home Office!

Ei, espere um pouco!

Antes de sair, baixe o seu ebook grátis!

Uhuuuul!

Em breve você receberá o meu Email para confirmar a sua solicitação.

Clique no botão “Confirmar seu email”  que aparecer no centro da tela!

Verifique também a sua caixa de Spam, se estiver lá, marque como não spam para receber em sua caixa de entrada da próxima vez ;)

Sucesso!