Como superar a depressão e ansiedade em tempo de quarentena

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Para quem não está habituado a trabalhar no formato Home Office (ou working from home), provavelmente esta fase de quarentena esteja sendo um sacrifício terrível!

Ficar o dia todo, dentro da sua própria casa não é muito fácil para algumas pessoas, principalmente trabalhando e por vários dias e até semanas. Até porque a maioria das pessoas que trabalham fora, passa a maior parte do ano fora dela e no máximo passa o Sábado e Domingo nela e olha lá. Na maioria das vezes é apenas para dormir mesmo!

Desde que foi decretada como uma pandemia o novo coronavírus pela OMS (Organização Mundial da Saúde)  em meados de Março, uma boa parte do mundo começou a entrar em quarentena e no Brasil iniciou no final de Março e isso quer dizer que estamos praticamente 1 mês confinados em nossas casas. Para alguns isso não é quase nada, principalmente para aqueles que já trabalhavam como Home Office, como é o meu caso que já estou nessa vibe a quase 10 anos e o que mudo para na minha rotina foi que agora a minha esposa e meus dois filhos passam o dia todo em casa fazendo diversos barulhos principalmente as crianças que passam o dia todo correndo pra cima e pra baixo numa gritaria que eu só ouvia aos finais de semana mas com detalhe que na maioria das vezes eu não estava trabalhando! Ahaha Fora isso está sendo tudo praticamente normal para mim.

Mas e para aquelas pessoas que moram sozinhos e passava o dia todo em suas empresas rodeadas por seus colegas de trabalho, na hora do almoço dividia os refeitórios com outras pessoas, na ida e na volta continuavam sempre rodeadas por rostos conhecidos ou desconhecidos? Imagino que para essas pessoas esse confinamento está sendo difícil de se adaptar, até por aqueles que sempre sonhou em trabalhar da sua casa todos os dias, porque nessa quarentena não foi nada planejada com antecedência e muito menos teve aquele preparo psicológico que vem com aquela mistura de felicidade e medo de saber ou não se vai se adaptar. Tudo foi de uma hora para outra!

Mas agora que já se passou praticamente 1 mês, você já não aguenta mais trabalhar em sua casa e começou a bater aquela angustia de querer sair correndo para a sua empresa? Calma que vou tentar te ajudar a superar isso com “métodos” que utilizei e ainda utilizo nesses 10 anos de experiência que eu tenho.

Então vamos lá:

1 – Escolha sempre um local onde tenha janelas com a iluminação de fora.

O acesso à luz natural faz parte da nossa sobrevivência e dos ciclos naturais, por isso é essencial que tenhamos acesso a ela por pelo menos algumas horas por dia. O ser humano precisa de doses diárias moderadas de sol para o corpo produzir vitamina D suficiente para a absorção do cálcio que fortalece os ossos. Além disso, você precisa ter um outro locar para olhar além da tela do seu computador ou da sua parede! Isso faz toda a diferença!

2 – Faça pausas sempre que precisar.

Você precisar ter uma boa disciplina para conseguir trabalhar em seu casa e fazer com que o seu trabalho renda, mas esse negócio de você trabalhar 2 horas e aí fazer uma pausa de 10 minutinhos é coisa de iniciante ou de quem trabalha sendo monitorado o dia todo pelo seu chefe! Rs faça mais intervalos se for preciso e se puder, porque muitas vezes você pode estar quebrando a cabeça em algo que é simples mas por falta de concentração ele acaba parecendo algo absurdo e interminável principalmente nessa fase de adaptação. Relaxe!

3 – Saia da sua sala ou da sua casa nos intervalos se puder.

Se você mora em uma casa, sinta-se privilegiado (a) pois provavelmente você tem também um quintal onde pode esticar um pouco as suas pernas e dar uma boa caminhada. Se você mora em um apartamento e tiver uma sacada, se more que puder já para lá e se puder trabalhar lá com o seu Laptop, melhor ainda! Mude o seu ambiente de trabalho sempre que for possível!

Mas se o seu apartamento não tiver nem uma sacada, abra a janela e respire um pouco e ande um pouco pelo apartamento mudando um pouco o seu campo de visão e preste atenção no que está vendo para que esqueça um pouco os assuntos de trabalho. Isso fará com que o seu cérebro não se estresse trabalhando e pensando sobre a mesma coisa o dia todo e na sua própria casa.

4 – Use roupas confortáveis e não uniformes ou roupas que você usa para ir ao trabalho!

Sempre vejo algumas pessoas recomendando que você troque para uma roupa de trabalho ou use uniformes para que você realmente se sinta “indo ao trabalho”. Isso para mim também é coisa se iniciante! Rs Vai chegar uma hora que você vai ficar de saco cheio disso e vai perceber que isso não fez nenhuma diferença para você e que o que você precisa mesmo é de conforto para trabalhar! Se ainda não chegou essa fase, vai chegar! Rs

5 – Não está bem para trabalhar, então relaxe e vá assistir alguma coisa!

Parece um conselho de que não está nem aí não é? Mas é totalmente o inverso! Não adianta você se forçar a trabalhar em um dia que não está se sentindo bem ou não está a fim de encarar aquele Job. Forçando você vai acabar tendo mais ranço daquele Job ou até mesmo daquele Cliente. Então dê um tempinho e já assistir um episódio daquela série ou vá ler um gibi ou o que seja porque essa sensação vai passar e logo!

O que você precisa entender é que você está no controle e não o seu Job te controlando e entendendo isso o seu fluxo de trabalho irá fluir muito melhor mas a sensação de liberdade que você sempre quis!

Aquele ranço que você tinha pego daquele job, vai passar e quando você menos perceber já terminou! Mas lembrasse: para terminar um Job e se livra logo dele só tem um jeito!  É fazendo, finalizando e entregando! Ahaha

6 – Procure ter outras atividades ou projetos  paralelos

Tenha sempre alguma outra coisa para fazer mas que seja algo que esteja construindo e sério como por exemplo alguma atividade para uma renda extra, novos projetos ou que seja um hobby, até porque muita gente hoje trabalha e tem sua renda principal com algo que um dia começou como um hobby, então isso é muito importante também.

Mas um projeto que você sabe que um dia te dará uma renda extra é algo bem bacana porque isso te desperta uma esperança de algo novo, principalmente naquele dias que você está de saco cheio de tudo!

Eu sempre digo que o que move as nossas vidas são duas coisas: O Amor e o Medo. Se você parar para pensar, tudo que fazemos é por um ou outro. Trabalhamos para pagar as nossas contas pq se não pagarmos, Deus me livre! Ou trabalhamos para, além de pagar as nossas contas, juntar uns trocados para aquela viagem que queremos fazer no início do ano que vem, ou para comprar aquele smartphone novo e top que foi lançado este ano. Enfim, tudo é por Amor ou medo. Mas as vezes até o Amor e o Medo acaba e é aí que nasce o terceiro sentimento que é o mais importante. A esperança! Você já ouviu falar que “A Esperança é a última que morre!”  Pois é, é justamente por isso, pq é ela que vai te ajudar a te reanimar e te dar novas perspectivas no seu dia a dia, com novos projetos para uma renda extra, um hobby que pode se tornar o seu trabalho principal, etc.

Por isso esteja sempre antenado(a) as novidade e pesquise sobre vários assunto porque um dia você vai encontrar algo que você goste que nem sabia que existia a possibilidade de fazer o seu dinheirinho com isso! Por isso, nunca deixe a sua esperança morrer, cominado?

Um forte abraço e se cuidem! 😉

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

Seja um Afiliado de sucesso!

Um dos melhores temas para Blog!

Aprenda Wordpress!

Os inscritos serão os primeiros a receber as novidades!

Eu também odeio Spams, então não se preocupe pois nunca vou te enviar Spam!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Rolar para cima

40 NOVAS IDÉIAS PARA VOCÊ SER O SEU PRÓPRIO CHEFE!

Baixe agora o seu ebook com 40 ideias para você começar um novo negócio como Home Office!

Ei, espere um pouco!

Antes de sair, baixe o seu ebook grátis!

Uhuuuul!

Em breve você receberá o meu Email para confirmar a sua solicitação.

Clique no botão “Confirmar seu email”  que aparecer no centro da tela!

Verifique também a sua caixa de Spam, se estiver lá, marque como não spam para receber em sua caixa de entrada da próxima vez ;)

Sucesso!